DO VAREJO PARA O FRANCHISING

A inteligência artificial foi um dos assuntos principais da NRF Retails Big Show 2019

Um dos eventos de negócios mais importantes do mundo aconteceu em Nova York, agora, em janeiro. O foco é o varejo, mas o evento traz insights para todo o mercado e também para o Franchising. O desafio depois do NRF Retails Big Show 2019 é antecipar essas evoluções e através disso, sair na frente da concorrência e também em relação às tendências, além de melhorar a experiência do cliente. E essa foi uma das mensagens mais importantes do evento: “o cliente é o objetivo final.”

Um dos diagnósticos apresentados na NRF foi um alerta sobre os muitos investimentos em publicidade e pouquíssima relevância dos anúncios e mensagens, já que 85% dos anunciantes dizem proporcionar experiências personalizadas e apenas cinco dos clientes acreditam que essas mensagens são oportunas. Com isso, percebemos que muitos dados são coletados dos clientes, mas eles não são bem utilizados.

Não é novidade para ninguém que marcas que possuem um propósito sério são muito valorizadas e isso foi comprovado no evento através do case da Chobani. As pessoas querem ouvir a história da marca porque ela segue fiel aos seus valores e os aplica de forma prática.

Uso da inteligência artificial

Como já era esperado, a inteligência artificial foi um dos assuntos principais do evento. Ao analisar sua evolução é possível entender que inteligência artificial vai além de automatizar processos. Quando combinada com as habilidades humanas, pode ser mais eficaz. Ela deve continuar evoluindo, para uma automação ainda mais inteligente, com decisões mais autônomas.

Foram apresentados casos que comprovaram que o uso de inteligência artificial pode gerar campanhas com boa performance e mais engajamento do público. Algumas dicas que foram compartilhadas para a criação de boas campanhas:

  1. Falar a língua do seu consumidor;
  2. Usar palavras da moda para descrever seu produto;
  3. Investir nos sites, para melhorar a experiência do usuário e direcioná-lo ainda para a compra do produto.

É papel dos franqueados, mas principalmente dos franqueadores acompanhar essas tendências e implementar dentro do Franchising o que mais contribuir para a rede. O conhecimento adquirido através dos anos é indispensável, mas franquia também é inovação e isso só faz com esse modelo de negócio se consolide cada vez mais.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
1
Olá!
Podemos ajudá-lo?
Powered by