ÍNDICES TRAÇAM QUADRO DE RETOMADA PARA O ANO QUE SE INICIA

O Índice de confiança empresarial atingiu sua maior taxa desde 2012, entenda o que isso representa para os negócios no ano de 2018, em especial para o Franchising.

É sabido que vários setores da economia foram muito prejudicados pela crise econômica e política que afetou o Brasil nos últimos anos. O sistema de franquias passou por essa fase de maneira diferenciada, já que nos registros dos três primeiros trimestres do ano o Franchising cresceu mais do que o PIB nacional. Vemos também que as expectativas do setor para 2017 (que eram de crescimento de 7 a 9%) foram atingidas, pois, segundo o último número divulgado do setor, a taxa foi de 8,2% (dados da ABF – Associação Brasileira de Franchising).

Contudo, segundo o histórico internacional, períodos de recessão geralmente são seguidos por um momento de retomada do crescimento. Diante disso, o cenário brasileiro já vem apresentando mudanças, conforme as variações das projeções do PIB, variação do IPCA e da taxa Selic, entre outros índices importantes para a economia. Os números do último ano e as projeções para 2018 trazem esperanças para os empresários e para a população em geral.

Um dado importante para confirmar o prognóstico de crescimento da economia brasileira é o Índice de Confiança Empresarial (ICE) divulgado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) que, mesmo com uma pequena queda no mês de dezembro, apresentou crescimento nos quatro meses anteriores, atingindo índices muito satisfatórios e se aproximando de níveis compatíveis com períodos de ampla expansão econômica. Como a partir de julho o índice entrou em trajetória de crescimento, confirmando as expectativas para a economia brasileira, percebemos também o aumento das vendas no Natal, em torno de 6% segundo a ALSHOP (Associação Brasileira dos Lojistas de Shopping Center) e a intenção das empresas prevendo aumentar seu quadro de funcionários em detrimento das que anteveem a diminuição do número de colaboradores. Como resultado dessas previsões e devido aos novos ares do ano que se inicia, novas ideias e planejamentos dos empresários com relação aos investimentos manifestam-se no futuro próximo, observando o crescente interesse pelo empreendedorismo.

Como consequência de bons resultados mesmo nos anos de crise e com projeções muito otimistas para os próximos anos o Franchising se revela como uma ótima opção de investimento para o ano de 2018. O sistema de franquias apresenta como algumas de suas vantagens a oferta de um plano de investimentos mais assertivo e calculado, o modelo de negócios já testado (minimizando os riscos) e o aluguel de uma marca já consolidada com todas as experiências adquiridas ao longo do tempo.

De forma planejada e estudada é possível ganhar mais confiança e principalmente diminuir a curva de aprendizado, pois, o franqueado não precisa investir tempo e dinheiro em ações que comprovadamente já não deram certo e pode dedicar os seus esforços exclusivamente para o crescimento do seu empreendimento.

Mesmo com todas as pesquisas demonstrando um grande potencial de sucesso para o setor, para garantir o êxito de qualquer negócio uma boa gestão é fundamental. No modelo de franquias não é diferente, é necessário acompanhamento constante, estar por dentro dos números do mercado, acompanhar as tendências, participar de cursos e feiras sobre empreendedorismo, entre outros. Compreender e interpretar o cenário é essencial para que o negócio atinja os resultados esperados.

Bons negócios e Feliz Franchising em 2018!

Lucien Newton, coluna Franquias de A a Z, Jornal Estado de Minas. Publicação em 31/12/2017.

0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1
Olá!
Podemos ajudá-lo?
Powered by